Descubra como os Profissionais do Desenvolvimento Humano podem promover Resiliência



Desenvolvimento Humano – Resiliência é um assunto que tem uma certa complexidade. Se estamos em uma mesa com 10 pessoas e falamos sobre resiliência, muito provavelmente 2 não ouviram falar desse tema, uns 6 não sabem explicar o que é e os outros 2 sabem o que é, mas possuem dificuldades em explicar com maior profundidade.

Essa falta de conhecimento se intensifica ainda mais quando pensamos em como colocar a resiliência na prática. Ter comportamentos resilientes é um trabalho a ser desenvolvido diariamente e requer atenção e cuidados para que seja feito de uma forma equilibrada.

Não saber treinar a nossa resiliência para que tenhamos equilíbrio nas situações de conflitos é algo comum e isso ocorre por vivermos com base nas crenças limitantes que acumulamos ao longo da nossa vida.

Mas existem fases em que essa situação muda e conseguimos ter a habilidade de estarmos resilientes para enfrentarmos as adversidades. E então, acumulamos o conhecimento dos nossos erros e acertos e nos modificamos afim de nos tornarmos mais maduros e fortalecidos para uma próxima.

A pessoa passa a vivenciar diversas ocasiões em que consegue se desenvolver e superar os períodos de conflitos e estresse, e começa a dizer sobre si “eu sou resiliente”.

O acreditar que tal pessoa é resiliente faz com que ela entenda que suas experiências de vida também servem ao outro por completo, basta o outro agir da mesma forma que tudo estará resolvido.

E esse é um grande erro!

Quando estamos falando de comportamento humano, cada pessoa tem o seu histórico. História de vida, de experiência, de alegrias, de sofrimentos, de crenças, de criação, de educação, de acolhimento, de separação, de escolhas, de ideais, de valores…. Enfim, cada um é diferente do outro.

Se as pessoas são diferentes e possuem vivências diferentes, como então podemos padronizar a resiliência?

Não dá. Dizer que a resiliência é uma receita ou fórmula a ser seguida e querer encaixar esse modo padronizado de agir em diferentes pessoas fará com que as chances de fracasso de implementar a resiliência e ter sucesso aumentem cada vez mais. Não é porque tal atitude deu certo na sua vida que também dará na vida do outro.

– Ok, entendi! Mas eu acredito que a resiliência é um grande recurso para as pessoas vencerem seus medos e obstáculos e quero ajudá-las a desenvolver essa habilidade na vida delas! (você pode dizer..)

Existem outros meios para você fazer esse tipo de atividade sem ter que impor as suas experiências de vida na do outro.

Uma maneira eficiente para o desenvolvimento da resiliência em outras pessoas é utilizar a metodologia do Coaching em Resiliência. Entenda que o método do Coaching aqui é apenas um caminho para o fortalecimento da resiliência.

serie_dh

ENTENDA COMO USAR A RESILIÊNCIA NO DESENVOLVIMENTO HUMANO

Assista uma série de 4 vídeos gratuita!

A ICF (International Coaching Federation) define o Coaching como uma atividade em que uma pessoa externa ao ambiente que envolve o estresse, conduz alguém na aprendizagem de seus próprios recursos para percorrer seu próprio caminho. Nesse sentido, o profissional do Coaching não necessita impor as suas experiências ou interferir no modo de aprendizado do outro.

Trata-se de uma metodologia que foca na aprendizagem e não no ensino.

A sua verdadeira atuação como Coach está em instigar, questionar, incentivar e promover a autodescoberta. E é nesse momento que entra o desenvolvimento da resiliência.

Resiliência é desenvolvida a partir da autodescoberta. Descobrir as crenças atuais, os comportamentos que apresentam maior tendência nos momentos de adversidades, encontrar novas ideias e buscar os recursos internos positivos que estão adormecidos.

Se utilizamos o método de Coaching para guiar o nosso cliente à promover o equilíbrio de seus comportamentos nas situações de estresse, já estamos abrindo caminhos para o florescimento da resiliência.

Porém, apenas o Coaching não basta. É necessário obter outras ferramentas que comprovem que o cliente está em um ponto X e necessita ir ao ponto Y. E para isso os profissionais do Coaching em Resiliência utilizam o QUEST_Resiliência.

O QUEST_Resiliência é uma ferramenta responsável pelo mapeamento da resiliência em um indivíduo ou grupo, o que faz com que o Coach tenha total entendimento de quais são os resultados apresentados pelo seu cliente, as suas principais crenças e modos de se comportar diante do estresse.

Além do método de Coaching e do respaldo do QUEST_Resiliência, os profissionais de desenvolvimento humano que trabalham com resiliência também recebem um material dedicado ao andamento das sessões, onde os clientes criam uma espécie de diário com o objetivo de ampliar a sua visão sobre o seu desenvolvimento e empenho nas sessões.

A cada sessão, uma área da resiliência é trabalhada tendo como foco buscar novos comportamentos para que o cliente encontre seus recursos positivos para lidar com a situação de adversidade que está passando em sua vida.

Percebe que, tendo todas essas ferramentas em mãos, as suas experiências de vida não se fazem necessárias na vida do outro?

Vale ressaltar que para aprender tais ferramentas e métodos, a formação do Coaching em Resiliência irá oferecer amplo suporte, horas de treinamento prático, e acesso a conteúdos teóricos.

Para finalizar, é importante relembrarmos então que…
Nossas experiências de vida servem para nos fortalecer e amadurecer, mas nem sempre o mesmo pode ser aplicado na vida de outras pessoas.
Cada um tem uma história de vida e um modo diferente de aprender a passar por dificuldades.
Se você é um profissional que trabalha com o desenvolvimento humano e vê a oportunidade de desenvolver a resiliência em seus clientes, o Coaching em Resiliência é uma ótima alternativa para você.

Ficou interessado? Entre em contato conosco preenchendo o nosso formulário de aplicação. Será um prazer falar com você!

fale_consultor

DESEJA SABER MAIS SOBRE O COACHING EM RESILIÊNCIA?

Entramos em contato com você!

Sobre quem escreveu esse artigo
Coach em Resiliência – Pessoal & Profissional e Coordenadora de Marketing na Sociedade Brasileira de Resiliência. Apaixonada pelo tema da resiliência e pela comunicação entre marcas e pessoas!
2018-04-09T20:13:33+00:00

Deixe um comentario